skip to Main Content
Planejamento Tributário Para Empresas De TI – Reduzir Impostos é Possível!

Planejamento Tributário para empresas de TI – reduzir impostos é possível!

Um bom planejamento sobre os tributos que devem ser pagos se faz essencial para todo tipo de negócio. Quando falamos de empresas de tecnologia, não é diferente! Hoje você conhecerá mais sobre o Planejamento Tributário para empresas de TI.

O Planejamento Tributário permite que você obtenha uma redução considerável sobre o que paga de impostos. Se você quer entender mais e deseja conquistar esse equilíbrio para as finanças e para o seu negócio, continue conosco!

O primeiro passo é conhecer os regimes tributários. Em qual deles você está enquadrado atualmente?

Os regimes tributários

Existem três regimes tributários previstos pela legislação brasileira. As empresas precisam estar enquadradas em um desses regimes e pagar os seus impostos de acordo com as alíquotas.

O primeiro que falaremos a respeito é o Lucro Presumido.

  • Lucro presumido: esse sistema tributário pode ser adotado por negócios que faturam até R$ 78 milhões anuais. Esse é o segundo regime tributário mais utilizado pelas empresas do país;

  • Temos também o Lucro Real, cuja utilização é permitida por negócios que faturam mais de R$ 78 milhões anuais;

  • Além desses dois regimes tributários, há ainda aquele que é o mais utilizado pelas empresas: o Simples Nacional, que é destinado às empresas cujo faturamento é de até R$ 4,8 milhões. Como o nome sugere, esse é o sistema mais simples, mas que não significa, necessariamente, que as empresas pagarão menos impostos.

A verdade é que existem outras variáveis a serem consideradas, já que os anexos e as alíquotas podem variar de acordo com cada negócio e atividade exercida, o que dificulta – e muito – os cálculos exatos de cada imposto a ser pago. Por isso, o Planejamento Tributário para empresas de TI deve ser realizado por profissionais qualificados, que compreendem o segmento de tecnologia e todas as possibilidades.

Há casos em que diversos fatores fazem com que as empresas se tornem obrigadas a adotarem um determinado regime tributário e, nessas ocasiões, desafios podem surgir.

Agora, conheça os impostos:

  • O IMPOSTO SOBRE PRODUTOS INDUSTRIALIZADOS – IPI;
  • O IMPOSTO SOBRE A CIRCULAÇÃO DE MERCADORIAS E SERVIÇOS – ICMS;
  • O PROGRAMA DE INTEGRAÇÃO SOCIAL – PIS
  • O CONTRIBUIÇÃO PARA O FINANCIAMENTO DA SEGURIDADE NACIONAL – COFINS;
  • O IMPOSTO DE RENDA DE PESSOA JURÍDICA – IRPJ;
  • O CONTRIBUIÇÃO SOCIAL SOBRE O LUCRO LÍQUIDO – CSLL;

Somente com a ajuda de um contador e uma contabilidade para TI é possível definir como será feito o Planejamento Tributário. Vamos entender mais sobre essa ferramenta?

O Planejamento Tributário para empresas de TI é a ferramenta definitiva. Quando realizado por um contador, ele proporcionará maior economia e possibilitará que todas as opções legais sejam exploradas, a fim de garantir o máximo de economia possível para a empresa!

PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO PARA EMPRESAS DE TI

O planejamento é algo essencial para todas as empresas. E quando falamos da área tributária, ele se faz ainda mais necessário. É preciso saber como aplicar todas as técnicas que visam a redução da incidência da carga tributária em uma empresa, já que esse dinheiro pode ser muito melhor utilizado se direcionado para áreas que realmente necessitam.

Por isso, consulte a sua contabilidade e verifique se o seu planejamento tributário é realmente eficiente.

Em caso de dúvidas, ou se quiser saber mais, entre em contato com a Confisco! Somos uma empresa especializada na contabilidade para TI, e realizar o planejamento tributário para TI é algo que podemos e vamos fazer pelo seu negócio.

Saiba também como administrar uma empresa de TI com erros reduzidos!

Muito sucesso e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top